Deram-me layoff. E agora?

Por Carolina - abril 02, 2020


Olá gajas boas!

Antes de ontem, fui informada pela minha entidade patronal que ia deixar de trabalhar por dois meses, ou seja, iam-me dar o layoff ou furlough que, aqui no UK, consiste em continuar empregada, mas não trabalhar e consequentemente não receber da empresa. Vou receber um apoio do estado que repõe 80% do salário base. Ótimo, para quem não trabalha a comissões, com um base baixo!

Confesso que a mensagem recebida por email, vinda do meu CEO, foi um tanto ao quanto chocante - diria que foi uma daquelas situações que sāo previsíveis, mas que não nos acontecem a nós.
Foi chocante porque a empresa é, normalmente, muito aberta, somos todos "próximos", uns com mais responsabilidade que os outros, mas a estrutura da organizaçāo é plana.

Fiquei mega preocupada com esta mudança. E agora, como é que vou organizar o meu dia? O que é que eu vou fazer? 80% do salário base, mas e as minhas comissōezinhas?
Foi uma meia hora com uma mistura de sentimentos, pânico, raiva, compaixão (pela empresa, não fechariam se não precisassem, nós na verdade não trabalhamos de casa porque não há trabalho para fazer), apreensão, enfim só nuvens. Decidi ir correr para aclarar as ideas e apanhar ar fresco (aqui ainda se pode ir à rua fazer exercício). Corri, sem parar, gastei tudo o que era mau.

Quando voltei, todos os sentimentos anteriores se tinham ido, tinha ficado apenas o receio da incerteza, do desconhecido, da mudança e também o receio de pensar que isto até podia ser uma coisa boa...

A vida tem sido sempre uma correria, os anos passam e nós não damos conta. É uma rotina que mata o tempo, e nos tira anos de vida, sem nos apercebermos de que é mais importante sentirmos cada passo, cada pequeno-almoço, cada beijo, cada brisa com cheiro a mar ou a campo, cada ouvir dos pássaros lá fora e apreciar a primavera, as flores, olhar á nossa volta e sentirmos que somos sortudos pelo que nos rodeia, ou não, mas se for esse o caso, perceber que é altura de mudar de caminho.

E o ambiente agradece, os golfinhos voltaram a Veneza e as ovelhas estão a invadir as cidades em Gales.
Parar, é o impossível tornado possível!

Eu sei,  estou apenas a falar no positivo da situação, mas no negativo já toda a gente fala, já todos sabemos, a cada minuto tenho pop-ups no meu telefone.

Hoje, é o primeiro dia de #layoff ou de #furlough e acordei contente e com pica de aproveitar ao máximo, pelo facto de poder estar em casa, ser paga e poder fazer o que mais gosto, que nunca tenho tempo para fazer, o que me der na gana!!

Comecei por acordar cedo! Duche! Depilação! SPA caseiro, com esfoliante e creme para o corpo; tratamento de pele, tenho a pele seca há imenso tempo e nunca tenho disponibilidade para tratar de mim, por isso TICK 👍.
Depois, pequeno almoço light: um iogurte natural 0%FAT, com mirtilos e mel e cafézinho com leite feito pelo xuxu - Soube muuuito bem!

No final do meu piqueno, decidi partilhar a minha história com as gajas, a ouvir música e a falar com elas (Sempre, não se calam e os assuntos são sempre dos mais hilariantes. Há pouco li "fatias com ovos" hummm :)).
A seguir, vou remodelar umas cadeiras que estão à espera de remodelação há uns 2 anos (sim!), vai levar-me uns dias. E estou a escrever aqui para registar a meu compromisso com as ditas cadeiras. Sim, podem-me perguntar se cumpri a promessa.

Tenho também o meu curso online da British Academy of Interior Design para fazer!!!

Já me fiz voluntária, para ajudar pessoas em isolamento. :D

Tenho feito exercício todos os dias!

E, neste momento, aqui estou eu a escrever e a tentar passar uma vibe positiva deste: layoff, furlough, ficar em casa, isolamento, que pode parecer negativo, mas que, de positivo, tem e muito!!

Fiquem em casa e aproveitem ao máximo!

Carolina
x

  • Partilha:

Poderás também gostar

4 comentários

  1. O importante é manter esse positivismo. :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, temos que o encontrar em pequenas coisas :) Fica bem x

      Eliminar
  2. Força Carolina! Eu tenho intercalado essa visão positiva com dias mais deprimidos... mas tento manter-me como tu! Beijinho

    ResponderEliminar
  3. Ola Raven, ainda bem que te tens mantido positiva, é disso que precisamos todos!! Força para aí também!! Beijinho, Fica bem!

    ResponderEliminar