É justo pedir-lhe que esqueça o seu passado e comece tudo de novo?

Por Carolina - novembro 23, 2020

esquecer passado

Olá gajas boas!

Eu considero-me pensadora. Penso em tudo, presente, passado, futuro, possibilidades, fantasias, coisas inatingíveis e improváveis (como o que faria se ganhasse o Euromilhões, tendo em conta que não jogo...), minha vida, vida no geral. A minha cabeça é um mundo de hipóteses.

Hoje estava a pensar: Tendo em conta que a partir dos 25, 30 anos todos temos uma certa "bagagem" amorosa. Quando as pessoas começam uma nova vida, com um novo parceiro, será justo pedir-lhes que apaguem o seu passado para não interferir no futuro?

Esta questão veio na sequência de uma questão que alguém colocou online a perguntar se se importariam que o vosso parceiro partilhasse "gajas nuas"/ porno, no grupo de amigos do whatsapp??

Na minha opinião: não me importo, de todo! Até me faz rir! E eu partilho com as minhas gajas, caso veja uma boa obra de arte, ou um video engraçado, porque não partilhar um gajo bom? As coisas bonitas, de agrado ao olho, que nos possam criar um sorriso na cara ou qualquer alteração na nossa serotonina no sentido positivo, deverão ser partilhadas com aqueles que amamos.

Não implica, em nenhum sentido da partilha, que eu estou a pensar meter-me na cama de "um alguém" qualquer que não conheço e que não tem qualquer significado para mim, nem que me imagine a fazê-lo. Mas é bom para o olho!

Voltando ao tema inicial. Imaginem que começam uma relação nova. Ambos tiveram relações anteriores fortes e significantes, e que, por circunstâncias da vida, as coisas não resultaram num "Para Sempre".

As coisas evoluem, no bom sentido, com o vosso novo amor. E de repente, aparece um album de fotos, ou uma pasta escondida, no computador dele (ou dela), com fotos e videos do/a EX!

Qual é a vossa reação? Eu diria, explosiva! Eu ficaria piursa, fecundada, e armava a barraca em casa, que tendo em conta o meu feitio, seria não falar, ficar fria e tentar que ele perceba porque raio estou a reagir desta maneira.

Se eu me puser no lugar dele, coitado, como é que ele vai perceber? Na volta, nem se lembra que tem a aquela pasta, ou album - afinal eu é que andei a rebuscar para encontrar algo. Até porque eu também tenho, álbuns de fotografias, pastas no computador com fotos de exs, videos, cd's com músicas, anéis, pulseiras, roupa... dadas pelo meu ex. Será justo pedir que ele faça um DELETE, de todas as memórias de uma fase da vida dele, para eu conseguir avançar com o nosso futuro?

Pessoalmente nunca tive muito tempo sozinha entre relações amorosas, e as minhas relações foram sempre significativas e sólidas, pelo menos aquelas que guardo as fotos (os flings não contam, haha). E, no caso das fotos, têm sítios que me marcaram, amigos, viagens, festas, etc. Não me posso desfazer disto, das minhas experiências, da minha vida, só porque alguém não consegue ver para além do meu passado.

Não, não é justo, porque caso ele tenha que o fazer eu também tenho de o fazer. E embora eu não veja essas fotos e não precise delas para nada, é uma fase da minha vida que me ajudou a ser quem sou hoje e que faz de mim a pessoa que ele ama e que eu amo, no caso dele.

Eu passei por esta situação. E penso que as relação amorosas têm de ser fortes o suficiente e consistentes para pensarmos desta forma. Caso a pastEX nos incomode ao ponto de pedirmos para ser apagada, penso que há algo a trabalhar na relação e não na pastEX. Valores como confiança, respeito e acima de tudo o amor que se tem pelo outro.

A vida é uma evolução, se decidimos evoluir sem determinada pessoa ao nosso lado, é porque não estávamos felizes. E se decidimos estar com alguém presume-se que essa pessoa nos faz feliz e atende às nossas necessidades, sejam elas quais forem.

Se formos fiéis a nós próprios não enganamos os outros, acho que o difícil nesta situações é percebermos onde o outro está e se o seu alinhamento está de acordo com o nosso. Acho que por teste motivo é que há muita gente a pedir para apagar as pastEXs e as fotos de gajas enviadas pelo whatsapp nos grupos de gajo. O que, deixem-me dizer-vos, não acredito que a gajo ou gaja vá atender a esse pedido, porque tem a ver com a natureza de cada um e isso nunca deve ser alterado!

Beijões

Carolina

xx

  • Partilha:

Poderás também gostar

4 comentários

  1. É complicado e cada casal é que saberá como reagir. Penso que o mais importante é estarem os dois em sintonia, quererem as mesmas coisas e pensarem o futuro em conjunto com a mesma abordagem.

    Coisas de Feltro

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O importante é haver compreensão, compaixão e respeito e tudo o resto se resolve! Beijinhos

      Eliminar
  2. Eu tenho pastas de fotos de ex... não vou apagar o meu passado. As relações anteriores permitiram-me entender o que faz sentido e não e hoje ter o casamento feliz que tenho. Claro, há anos que não vou ver essas pastas mas estão ali. São memórias. É a minha biografia. Por acaso não sei se o meu marido tem mas parece-me expectavel e normal que sim... não me incomoda.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Raven, tou a ver que concordas. Se há amor sólido e forte essas coisas não importam. O que interessa é olhar para o futuro com esperança que tudo vai correr bem. Bjs

      Eliminar