Garrafões de água? No, thanks

Por Anouk - agosto 03, 2020

filtro carvão ativado binchotan - tropa do batom

Já vos disse várias vezes que tenho uma quota-parte em mim que é meio "Greta". Por isso, gosto de estar atualizada quanto a alternativas mais sustentáveis e gosto de experimentar produtos um pouco diferentes. Aqui há tempos um amigo disse-me que eu devo ter uma espécie de budget mensal para experimentar produtos. E é mais ou menos isso, sim. Enquanto há pessoas (a maior parte, certamente) que são muito resistentes à mudança, eu gosto de experimentar novos produtos e de saber se é algo que vale a pena ou não. Às vezes fico rendida, outras vezes, não me convence. Vou relatando depois aqui as minhas experiências 😉. 

Desta vez, procurei uma alternativa aos garrafões de água. No meu caso, os garrafões de água representavam um custo de cerca de 12€ por mês (4-5 garrafões por semana). Sei que já é possível encher garrafões, fazendo uma utilização muito mais regerada do plástico, mas ainda assim eu procurava uma alternativa sem qualquer plástico. 

Encontrei 2 alternativas: 
  • Filtros de água da torneira (aqueles que filtram directamente a água que sai da torneira), sendo que essa opção custa cerca de 50€ e depois é necessário comprar filtros de 3 em 3 meses, se não estou em erro; 
  • E encontrei algo mais alternativo, 100% ecológico, que se chama Filtro de carvão Binchotan. Eu comprei no site Pegada Verde, mas há outras lojas online onde podem comprar (incluindo a Amazon, salvo erro).
Este filtro de carvão activado Binchotan é feito de ramos de árvores e é utilizado pelos japoneses há séculos. Consegue suavizar o sabor da água e absorver gostos e odores indesejados, como o cloro.

É 100% biodegradável e pode ser usado durante 6 meses, sendo que deve ser fervido todos os meses, de forma a voltar a ganhar as suas propriedades purificadoras. Antes da 1ª utilização deve ser igualmente fervido durante 10 a 15 minutos.

Após 6 meses de uso pode ser utilizado como adubo de plantas ou colocado num compostor caseiro. Mais ecológico que isto é impossível 😀.

Já uso este filtro desde Abril. O que posso dizer é que graças a este filtro comecei a beber água da torneira, algo que antes não fazia porque não gostava do sabor. Não sei se é psicossomático ou se o sabor da água mudou mesmo, mas o facto é que comecei a beber esta água e já me habituei.

A sua utilização é muito simples: basta colocá-lo dentro de água e aguardar. Quanto mais tempo ficar "de molho", melhor será o sabor da água. Normalmente, costumo deixar 8h, até porque utilizo num dispensador de água grande (2,5 litros).

O sargento cá de casa não aderiu à minha nova moda, e infelizmente continuou com os garrafões de água, mas do meu lado já só bebo "água do pau" (admito que o nome "água do pau" parece saído de um filme do sexy hot, mas a verdade é que este pau milagroso - oh God... make me stop 😂- tem feito maravilhas à minha água da torneira).

Curiosas? Experimentem e contem-me tudo.

Até já,
Anouk

  • Partilha:

Poderás também gostar

0 comentários